• Vista Chinesa Quick View
    • Vista Chinesa Quick View
    • Vista Chinesa

    • 14.99
    • Adicionar
    • ,
    • Tatiana Salem Levy Elsinore 2021 | 9789895646067 | 128 pp. Autora multipremiada, vencedora do Prémio São Paulo de Literatura, do English Pen Award e finalista do prémio Jabuti. Antes de uma reunião de trabalho, Júlia sai de tarde para correr e, enquanto sobe o trajeto para a Vista Chinesa, o famoso miradouro no parque natural da Tijuca, em plena cidade do Rio de Janeiro, desligada do mundo e de headphones nos ouvidos, um homem de mãos enluvadas surge repentinamente, encosta uma pistola na cabeça dela e arrasta-a para o meio da mata. Júlia é violada. Sobrevive. Anos depois, já mãe, recorda o horror vivido e as sequelas daquela terça-feira de 2014 — a dor, a raiva, o medo de acusar um inocente e a força redentora da vida que continua. «A partir do momento em que começamos a ler, já não é possível parar. Uma poderosa celebração da vida. Pode pedir-se mais da literatura?» — José Eduardo Agualusa Relato de uma história real de…
  • Integrado Marginal – Biografia de José Cardoso Pires Quick View
    • Integrado Marginal – Biografia de José Cardoso Pires Quick View
    • Integrado Marginal – Biografia de José Cardoso Pires

    • 20.90
    • Adicionar
    • ,
    • Bruno Vieira Amaral Ed. Contraponto 2021 | 9789896661816 | 600 pp. Notívago, boémio, brigão. Receoso de que a imagem pública lhe ensombrasse os méritos literários. Crítico do marialvismo. Acusado de ser marialva. Bem relacionado. Obcecado com a própria independência. O maior escritor da segunda metade do século XX. Um escritor datado e sem a mesma projeção internacional de um Lobo Antunes ou de um Saramago. Um espírito insubmisso. Um casamento duradouro. A convicção e a crença no próprio trabalho. Momentos de dúvida e angústia. Neste livro, vive um homem cuja personaldade foi formada no antagonismo. E um espírito que, apesar de amarrado a diversos ódios (ao campo, ao regime, à pequena burguesia da qual era originário, à literatura sentimental e demagógica, à polícia, à Igreja), nunca desistiu de Portugal e de ser escritor. Da influência inicial da literatura anglo-saxónica, passando pela necessidade de encontrar uma "sintaxe citadina", ou pela importância de incorporar a experiência na criação literária sem cair no sentimentalismo ou…
  • Cartografias de Lugares mal situados Quick View
    • Cartografias de Lugares mal situados Quick View
    • Cartografias de Lugares mal situados

    • 15.50
    • Adicionar
    • ,
    • Ana Margarida Carvalho Relógio d`Água 2021 | 9789897831584 | 120 pp. Os cenários de guerra são, por definição, lugares mal situados. Neles, as emoções são intensificadas, a generosidade, a compaixão, mas sobretudo a raiva, o medo, a crueldade e a bruteza. Nestes contos, Ana Margarida de Carvalho percorre alguns desses lugares, desde uma povoação de Portugal durante a Terceira Invasão Francesa, passando por uma biblioteca não nomeada, centro de operações da resistência, onde os livros servem para tudo menos para ler, até um lugar incerto onde há mulheres cercadas por snipers, as vozes são proibidas e o silêncio parece interminável.
  • Tornado Quick View
    • Tornado Quick View
    • Tornado

    • 16.90
    • Adicionar
    • ,
    • Teresa de Noronha Editora Exclamação 2021 | 9789895486830 | 156 pp. Soube anos mais tarde, quando vasculhava nos arquivos do Notícias à procura de alguma maldita crónica ou sinal daquele dia, com os jornais abertos à minha frente, que varri de trás para a frente e de frente para trás, sem encontrar qualquer sinal especial e nem mesmo o menor traço necrológico, notícia ou fotografia como se a tua morte fosse, mais do que anónima, ignorada. Mas soube aí, com surpresa - e talvez esse facto possa desenrolar o primeiro fio deste novelo que se emaranhou depois da tua morte - que o quarto dia do mês de outubro de 1983, em que decidiste pela enésima e derradeira vez deixar o mundo, pertenceu àquele estranho ano em que as acácias se esqueceram de florir.  
  • Hífen Quick View
    • Hífen Quick View
    • Hífen

    • 16.90
    • Adicionar
    • ,
    • Patrícia Portela Editorial Caminho 2021 | 9789722130820 | 280 pp. «Flandia, o avesso desalinhavado de uma possibilidade hifanada. A discussão sobre o sexo dos anjos enquanto os portões cedem aos cavaleiros do Algoritmo.» Hífen. um texto que, sendo de uma grande diversidade, tem do princípio até ao fim uma grande unidade e uma grande coerência, por um lado, e uma grande força. Quer quando se fala do amor de uma mãe por uma filha, e aqui chega-se a sentir um estrangulamento na garganta, quer quando Ofélia se dirige ao marido morto, e aqui sentimo-nos identificados com aquele sentimento de saudade, quer quando se evoca a luta por um mundo melhor, quer quando se grita contra a injustiça e contra o absurdo de um mundo onde nos sentimos muito bem desde que abdiquemos do essencial, isto é, do sal da vida. E já no fim, quando a resignação e o suicídio se confrontam como os dois destinos possíveis, a solução encontrada me parece…
  • A Geração que quis ser feliz Quick View
  • Almoço de Domingo Quick View
    • Almoço de Domingo Quick View
    • Almoço de Domingo

    • 17.70
    • Adicionar
    • ,
    • José Luís Peixoto Quetzal 2021 | 9789897224607 | 264 pp. Uma reflexão sobre a idade, a fortuna e o amor profundo de uma família reunida em torno do patriarca e das suas recordações. Um romance, uma biografia, uma leitura de Portugal e das várias gerações portuguesas entre 1931 e 2021. Tudo olhado a partir de uma geografia e de uma família. Com este novo romance de José Luís Peixoto acompanhamos, entre 1931 e 2021, a biografia de um homem famoso que o leitor há de identificar — em paralelo com história do país durante esses anos. No Alentejo da raia, o contrabando é a resistência perante a pobreza, tal como é a metáfora das múltiplas e imprecisas fronteiras que rodeiam a existência e a literatura. Através dessa entrada, chega-se muito longe, sem nunca esquecer as origens. Num percurso de várias gerações, tocado pela Guerra Civil de Espanha, pelo 25 de abril, por figuras como Marcelo Caetano ou Mário Soares e Felipe González,…
  • Quarentena – Uma História de Amor Quick View
    • Quarentena – Uma História de Amor Quick View
    • Quarentena – Uma História de Amor

    • 16.60
    • Adicionar
    • ,
    • José Gardeazabal Companhia das Letras 2021 | 9789897842368 | 208 pp. Uma história de amor que renasce a quatro paredes. Um casal, decidido a separar-se e de malas feitas, é obrigado pelas autoridades de saúde a uma quarentena. O seu apartamento transforma-se numa arena de proximidade física e distâncias calculadas, onde os restos da vida amorosa e o trautear televisivo de uma pandemia mudam o mundo por dentro e por fora. Ali, sob o regime forçado de uma intimidade perdida, percebemos como, entre antigos amantes, vizinhos e desconhecidos, a saudade das multidões e dos sentimentos sempre estiveram à altura de nos resgatar do peso do presente. Um olhar provocador sobre uma experiência coletiva. Uma introspeção inesperada, à porta fechada, sobre o que é o amor, onde começa, acaba e recomeça. Uma história de amor em 40 dias.
  • Pensar depois no caminho Quick View
    • Pensar depois no caminho Quick View
    • Pensar depois no caminho

    • 16.00
    • Adicionar
    • ,
    • Alberto Pimenta Edições do Saguão 20118 | 9789899994423 | 212 pp. tantas combinações matanças dia e noite tão ricas e ousadas quantas maravilhas é assim mesmo a cabeça humana criação científica de riqueza sem a qual a vida é pobre e criação contínua de pobreza sem a qual falta tema
  • Zombo Quick View
    • Zombo Quick View
    • Zombo

    • 13.00
    • Adicionar
    • ,
    • Alberto Pimenta Edições do Saguão 2019 | 9789899994478 Ilustração da capa de Jules Garnier para o livro Les jeux du cirque et la vie foraine, 1889, Hugues Leroux. Ilustração da contracapa retirada de Anatomy, Physiology, and Hygiene 1890, Charles Henry May.